INTERCÂMBIO: BEZERROS PARTICIPOU DE SIMPÓSIO SOBRE GESTÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS REALIZADO PELA ANBEJ E CREA PERNAMBUCO

Início INTERCÂMBIO: BEZERROS PARTICIPOU DE SIMPÓSIO SOBRE GESTÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS REALIZADO PELA ANBEJ E CREA PERNAMBUCO

INTERCÂMBIO: BEZERROS PARTICIPOU DE SIMPÓSIO SOBRE GESTÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS REALIZADO PELA ANBEJ E CREA PERNAMBUCO

Desenvolvimento SocialEsportes e JuventudeGabinete da PrefeitaInstituto de Previdência Municipal dos BezerrosSecretaria da Administração e InovaçãoSecretaria da FazendaSecretaria de Agricultura e Desenvolvimento SustentávelSecretaria de CidadaniaSecretaria de EducaçãoSecretaria de InfraestruturaSecretaria de SaúdeSecretaria de Turismo e Cultura

Autor: Gerente Comunicação

INTERCÂMBIO: BEZERROS PARTICIPOU DE SIMPÓSIO SOBRE GESTÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS REALIZADO PELA ANBEJ E CREA PERNAMBUCO

O município de Bezerros, no Agreste, participou, este mês, do simpósio sobre Gestão de Resíduos Sólidos promovido pela Associação Nordestina de Ex-bolsistas e Estagiários no Japão (Anbej) e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE). O encontro, que teve o apoio da Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica), foi realizado no […]

21/11/2022 9h07 Atualizado há 2 semanas atrás

O município de Bezerros, no Agreste, participou, este mês, do simpósio sobre Gestão de Resíduos Sólidos promovido pela Associação Nordestina de Ex-bolsistas e Estagiários no Japão (Anbej) e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE). O encontro, que teve o apoio da Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica), foi realizado no auditório da sede do Crea-PE, no Recife. 

Discutindo sobre “A Questão dos Resíduos Sólidos Urbanos: Brasil e Japão”, o simpósio contou com a participação do engenheiro e gerente de meio ambiente da Prefeitura de Bezerros (PE), Marco Ribeiro, e da arquiteta e urbanista da Prefeitura de Mundo Novo (BA), Juliete Galvão. Ambos são membros da Anbej e ex-bolsistas da Jica. Eles apresentaram projetos baseados nas técnicas japonesas para reduzir os impactos causados ao meio ambiente, bem como formas de promover a sustentabilidade e a vida saudável nas cidades.

As iniciativas são resultado do intercâmbio promovido pela Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica), entre julho de 2021 e março de 2022. Na ocasião, Marco Ribeiro apresentou o Projeto Acelerado de Compostagem, com a metodologia Takakura, que está sendo replicada em Bezerros. A prática, que tem custo e tempo de execução menores que o tradicional, é um case de sucesso na Índia, onde houve uma redução de 30% dos resíduos na localidade onde o projeto foi desenvolvido. Em Bezerros, foram realizadas oficinas de compostagem nas escolas, condomínios e novos bairros residenciais.

Já no município de Mundo Novo, Juliete Galvão implantou o método Fukuoka na gestão de resíduos sólidos. O projeto original foi executado em uma cidade vietnamita, onde havia um lixão a céu aberto, que foi transformado em aterro sanitário. Na cidade de Mundo Novo, já foram realizadas ações de educação ambiental nas escolas, de coleta e reciclagem, além da implantação de quatro ecopontos, com uso de materiais simples e a baixo custo. 

O representante da Jica no Brasil, Issei Aoki, que participou de forma remota, disse que o programa de treinamento, que completou 60 anos, é uma oportunidade de os bolsistas terem contato com a cultura japonesa. Já o vice-presidente da Anbej, Valdir Luna, explicou que os brasileiros podem submeter seus projetos ao Jica, levando seus problemas locais para serem discutidos em um grupo composto por pessoas de vários países. A contrapartida é a difusão dos conhecimentos e técnicas e a replicação nas suas cidades.

>>PARCERIA

A Prefeitura de Bezerros, através da gestão Lucielle Laurentino, é parceira da Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica) e da Associação Nordestina Ex-Bolsistas e Estagiários no Japão (Anbej), na promoção de atividades de cooperação e projetos nas áreas de coleta, transporte e destinação de resíduos sólidos. Em março deste ano, o presidente da Anbej, Wendes Oliveira, que é Ouvidor do município, participou de um encontro com o embaixador do Japão no Brasil, Teiji Hayashi, e o representante chefe da Jica, Masayuki Eguchi. Em pauta, o fortalecimento da parceria entre os dois países, além do plano de ação da entidade. 

>>PROGRAMA

O Programa de Treinamento no Japão patrocina o recebimento, na condição de bolsistas, de técnicos de países em desenvolvimento. A intenção é que os profissionais sejam os pilares da construção do seu país, a aquisição de técnicas e conhecimentos e a criação de sistemas. Atualmente, em toda a agência, são recebidos cerca de oito mil técnicos por ano, vindos de países em desenvolvimento de todo o mundo.

Os projetos desenvolvidos pelo programa japonês contemplam áreas diversificadas, como planejamento de desenvolvimento, administração pública, empreendimentos públicos, transporte, infraestrutura social, comunicação e informação, agricultura, pecuária, floresta, pesca, mineração, comércio, turismo, capacitação, saneamento, seguridade social, entre outras. 

TEXTO: Gabriel Galvão / Izaias Néu.

FOTOS: Crea-PE.


Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade